Deste fim de mundo tão grande,
pensou eu só na rua sem saída.
Ah, quanta saudade arde na alma!
Aqui, mesmo assim com tanta beleza,
não me agrada mais que meu pobre jardim.
Eu volto! Volto sim.
Mas fujo denovo,
pois só assim a rua sem saída lembra de mim.

Anúncios